Data: 14/02/2011
Mês: Fevereiro
Ano: 2011

No 4º trimestre de 2010, a taxa de desemprego em Portugal foi estimada em 11,1%, superior em 0,2 pontos percentuais (p.p.) ao registado no trimestre anterior, e que compara com 10,1% registado no mesmo período do ano passado (subida de 1,0 p.p. em termos homólogos). Para o mesmo período, a população desempregada foi estimada em 619,0 mil indivíduos, registando um acréscimo de 9,9% face ao trimestre homólogo e um aumento de 1,6% face ao trimestre anterior. No período em análise, a população empregada fixou-se em 4.948,8 mil indivíduos, menos 1,5% face a igual período do ano passado e menos 0,3% relativamente ao trimestre anterior. A taxa de actividade situou-se em 52,3%, diminuindo 0,1 p.p. em relação ao trimestre anterior (52,4%). Em média, em 2010, a taxa de desemprego fixou-se em 10,8% (602,6 mil indivíduos), o que representa um aumento de 1,3 p.p. face a 2009. A população empregada registou um decréscimo anual de 1,5%. A taxa de actividade foi de 52,5% mantendo-se inalterada face ao ano de 2009.

ine

(Gráfico: GEE)

i008810

(Gráfico: GEE)

i008811

(Gráfico: GEE)

i008812

(Gráfico: GEE)

i008813

(Gráfico: GEE)

ine

(Gráfico: GEE)

Segundo a dimensão regional, a região com a taxa de desemprego mais alta foi a Região do Algarve com 14,8%, seguindo-se o Norte com 12,7%, Lisboa com 12,3% e o Alentejo com 11,2%.

i008815

(Gráfico: GEE)

No 4º trimestre de 2010, a população empregada reduziu-se em todos os sectores de actividade comparativamente com o trimestre anterior, com excepção do sector dos Serviços. Em termos homólogos, podemos verificar que nos sectores da Agricultura, Silvicultura e Pesca e da Electricidade, Gás e Água as variações homólogas diminuíram para -9,1% e 0,7% (-4,9% e 4,4% no trimestre anterior), respectivamente. Já nos sectores das Indústrias Transformadoras e da Construção as variações homólogas subiram para -1,6% cada e o sector dos Serviços manteve a taxa de variação homóloga registada no trimestre anterior. No que diz respeito aos contributos, o sector que mais contribuiu para a variação homóloga negativa do emprego foi o sector da Agricultura, Silvicultura e Pesca (-1,1 p.p.), seguido do sector das Indústrias Transformadoras (-0,3 p.p.) e do sector da Construção (-0,2 p.p.). O sector da Electricidade, Gás e Água e dos Serviços tiveram um contributo nulo.

i008816 1

(Gráfico: GEE)

i008817 1

(Gráfico: GEE)

i008818 1

(Gráfico: GEE)

No 4º trimestre de 2010, a população desempregada aumentou nos Serviços e diminuiu nos restantes sectores de actividade em relação ao trimestre anterior. Em termos homólogos, podemos verificar que nos sectores da Agricultura, Silvicultura e Pescas e da Indústria, Construção, Energia e Água as variações homólogas diminuíram para 21,3% e -6,7% (32,3% e 5,4% no trimestre anterior), respectivamente. Já no sector dos Serviços a taxa de variação homóloga aumentou para 19,6% (11,9% no trimestre anterior).

i008819 1

(Gráfico: GEE)

i008820 1

(Gráfico: GEE)

Por faixa etária, a população empregada no 4º trimestre de 2010 apenas aumentou no escalão dos 35-44 anos, em relação ao trimestre anterior (de 1.316,4 no 3º trimestre de 2010 para 1.319,6 mil indivíduos no 4º trimestre de 2010). Em termos homólogos, houve uma diminuição das taxas de variação em quase todas as faixas etárias, com a excepção da faixa dos 15 ao 24 anos de idade que passou de uma taxa de variação homóloga de -13,7% para -9,0% e da faixa dos 35 aos 44 anos que passou de uma taxa de 0,9% para 1,3%.

i008821 1

(Gráfico: GEE)

i008822

(Gráfico: GEE)

A população desempregada no 4º trimestre de 2010 apenas diminuiu no escalão dos 15-24 anos, em relação ao trimestre anterior (de 98,8 no 3º trimestre de 2010 para 95,5 mil indivíduos no 4º trimestre de 2010). No trimestre em análise, a população desempregada nos escalões 25-34 e 45-64 aumentaram no seu conjunto 12,4 mil indivíduos, comparativamente com o trimestre anterior.

i008823 2

(Gráfico: GEE)

Por grau de ensino, a população empregada no 4º trimestre de 2010 apenas diminuiu na população com o ensino básico, em relação ao trimestre anterior (de 3.236,8 no 3º trimestre de 2010 para 3.170,1 mil indivíduos no 4º trimestre de 2010). Em termos homólogos, houve um aumento das taxas de variação em todos os graus de ensino, com a excepção da população com o ensino básico que passou de uma taxa de variação homóloga de -4,2% para -5,1% no 4º trimestre de 2010.

i008824 1

(Gráfico: GEE)

i008825 1

(Gráfico: GEE)

A população desempregada no 4º trimestre de 2010 aumentou na população com o Ensino Secundário e Pós-secundário e com o Ensino Superior e manteve-se praticamente inalterada na População com o Ensino Básico, em relação ao trimestre anterior. Em termos homólogos, houve um aumento na taxa de variação homóloga do desemprego da população com Ensino Superior (de 6,5% para 37,5% no 4º trimestre de 2010). A taxa de variação homóloga do desemprego da população com Ensino Básico e com o Ensino Secundário e Pós-secundário diminuiu do 3º para o 4º trimestre de 2010.

i008826 1

(Gráfico: GEE)