Data: 30/12/2016
Mês: Dezembro
Ano: 2016
Foram ontem divulgadas pelo INE as Matrizes Simétricas de Input-Output para a economia portuguesa referentes a 2013. Entre os resultados obtidos, salientam-se os seguintes: 
 
Por cada 100 unidades adicionais de Consumo Privado, o PIB aumenta 74 unidades e as importações 26 unidades (ou seja, o consumo privado tem 26% de conteúdo importado), das quais, 13 unidades de bens e serviços para consumo final direto das famílias e 13 unidades destinadas a integrarem o próprio processo produtivo interno; 
 
Na Despesa do Consumo Final das Administrações Públicas é pouco expressivo o conteúdo importado - é um sector onde se destacam os encargos com remunerações para providenciar estes bens e serviços; 
 
Uma variação de 100 unidades de FBCF conduz a um aumento de 67 unidades no PIB e de 33 unidades nas importações; 
 
Uma variação de 100 unidades das exportações conduz a um aumento do PIB em 55 unidades, sendo em média este o tipo de despesa com maior conteúdo importado.

i024055

(Quadro: INE)

Documento Original PDF