Data: 07/01/2016
Mês: Janeiro
Ano: 2016
O Banco Mundial reviu em baixa o Produto Interno Bruto (PIB) mundial de 2015 para 2,4% (2,8% no relatório de junho de 2015), sendo as estimativas para 2016 e 2017 de 2,9% e 3,1%, respetivamente (3,3% e 3,2% no relatório de junho, respetivamente).
 
Para a Zona Euro prevê que o PIB registe o valor de 1,5%, 1,7% e 1,7% em 2015, 2016 e 2017, respetivamente (o que compara com 1,5%, 1,8% e 1,6% para os mesmos períodos na estimativa de junho).
 
A taxa de crescimento dos Estados Unidos para 2015 foi revista em baixa passando de 2,7% no relatório de junho para 2,5%, e a do Japão também foi revista em baixa, de 1,1% previsto em junho para 0,8%.
 
Reviu em baixa as suas estimativas para os mercados em desenvolvimento, cuja projeção de crescimento para 2015 é de 4,3% (quando em junho passado previa uma expansão de 4,4%) e para 2016 é de 4,8%.
 
O Banco Mundial cortou ainda a previsão para a expansão em 2015 na China, de 7,1% para 6,9%, bem como do Brasil (reduzindo a estimativa de -1,3% feita em junho para -3,7%) e a da Índia (de 7,5% previsto em junho para 7,3%).
 
Finalmente, o Banco Mundial prevê que o Comércio Mundial cresça 3,6% em 2015, 3,8% em 2016, 4,3% em 2017 e 4,5% em 2018.

i021324.jpg

                                                                 (Tabela: Banco Mundial)

 

Documento Original PDF