Data: 09/05/2011
Mês: Novembro
Ano: 2011

Em Setembro de 2011, o Índice de Novas Encomendas na Indústria registou uma variação homóloga (médias móveis a 3 meses - mm3m) de 10,9% (16,0% em Agosto de 2011). O mercado nacional registou uma variação homóloga de 6,5% (mm3m), diminuindo 6,7 pontos percentuais (p.p.) em relação ao verificado no mês anterior (13,2% (VH, mm3m)). O mercado externo registou uma variação homóloga de 15,0% (mm3m), diminuindo 3,3 pontos percentuais (p.p.) em relação ao verificado no mês anterior (18,3% (VH, mm3m)). 

Todos os agrupamentos apresentaram variações homólogas (mm3m) inferiores às do mês precedente. Os Bens de Investimento, os Bens de Consumo e os Bens Intermédios registaram variações de 19,0%, 7,6% e 7,3%, respectivamente, o que compara com valores de 23,0%, 7,9% e 14,6% em Agosto de 2011.

i010482

O Índice de Novas Encomendas na Indústria (em valor absoluto) registou um valor de 121,2 pontos em Setembro de 2011, aumentando 32,7 pontos em relação ao mês precedente (88,5 pontos em Agosto de 2011). No mercado nacional, o índice aumentou de 82,9 pontos em Agosto para 108,1 pontos em Setembro, sendo este comportamento determinado por aumentos de 27,4 pontos nos Bens de Investimento, de 26,7 pontos nos Bens Intermédios e de 19,3 pontos nos Bens de Consumo. No mercado externo, o índice aumentou de 93,9 pontos em Agosto para 134,0 pontos em Setembro, sendo este comportamento determinado por um aumento de 52,5 pontos nos Bens de Investimento, de 39,8 pontos nos Bens de Consumo e de 31,6 pontos nos Bens Intermédios.

i010483 1

Documento Original PDF