Data: 19/06/2018
Mês: Junho
Ano: 2018
De acordo com os dados divulgados hoje pelo Eurostat relativos à 1ª estimativa do PIB per capita de 2017 (expresso em paridade do poder de compra - PPC) a amplitude da divergência entre os países europeus medida pelo PIB per capita varia entre um mínimo de 49% da média da UE na Bulgária e um máximo de 253% no Luxemburgo. Onze Estados-Membros registaram um PIB per capita superior à média da EU em 2017. O maior nível de PIB per capita registou-se no Luxemburgo (253% da média da UE), seguido da Irlanda (184%), Áustria e Holanda (ambos com 128%). Os Estados-Membros que registaram os valores mais baixos foram a Bulgária (49%), Croácia (61%) e Roménia (63%).
 
No que respeita Portugal, o valor do PIB per capita expresso em paridade do poder de compra foi de 77% da média comunitária (UE28) em 2017.
 
Em média, os países da Zona Euro têm um poder de compra, medido pelo PPS, 6% superior ao da UE28.
 
O Eurostat divulga ainda o Consumo individual efectivo (Actual Individual Consumption) per capita (expresso em PPC), o indicador usado para medir a riqueza ou o bem-estar das famílias, que revela igualmente diferenças significativas entre os Estados Membros. Em 2017, essa variação esteve compreendida entre 55% da média europeia na Bulgária e 130% no Luxemburgo. Em Portugal, o Consumo individual efectivo per capita foi de 83% da média comunitária (UE28) em 2017.
 

i028165

(Tabela Eurostat)

Documento Original PDF